Pães congelados: uma forma de não deixá-lo ficar borrachudo
Edgard Matsuki

Você já imaginou a seguinte situação. Sete horas da manhã, você acorda e vai tomar um café ainda sonolento. Os únicos pães são aqueles do dia anterior e não há padaria perto da sua casa. Aí você acha que tem duas escolhas, ou toma um café sem acompanhamento ou então come o pão borrachudo. Agora há uma terceira opção, você pode ir ao freezer e pegar o seu pãozinho francês matinal.

Apesar de só agora mostrar algum crescimento no mercado brasileiro (detém 5% dos mercados de pães), os pães congelados existem há muito tempo. Nós vamos contar um pouco de como surgiu a técnica e mostrar como ela pode evitar que o seu café da manhã se torne um martírio.

Congelamento da massa do pão

A prática surgiu na Áustria em 1926. Nesta época os padeiros tentaram reduzir o expediente noturno nas padarias. Para isso faziam o pão e tentavam refrigerá-lo. O congelamento podia se dar de duas formas: antes da massa ser assada ou após este processo.

O congelamento da massa do pão afim de retardar a fermentação é uma prática que faz muito sucesso nas padarias, já que acaba atendendo a exigência dos clientes por pães sempre frescos. Por isso acredite: muito da massa de pães que é comprada por você naquela padaria (longe da sua casa, por sinal) foi congelada antes de assada. Para quem trabalha no ramo a técnica é uma forma de economia de material, já que se pode fazer muita massa de pão de uma vez só.

Congelamento do pão pronto

Se para os padeiros o congelamento da massa dos pães foi uma boa, para os consumidores isto só vale se o produto comprado for consumido logo. A solução para produtos que não são consumidos na hora é o congelamento dos pães prontos, já que desta forma ele mantém o estado de conservação. Existem duas possibilidades para congelar pães prontos: comprar o produto congelado ou congelar os que sobraram da última compra.

Congelar os pães excessivos: pode parecer estranho não é? Como jogar um pão no freezer, se lá ele ficará endurecido. A aparência do pão enquanto congelado pode colocar dúvidas perante a prática do congelamento, mas é só seguir algumas pequenas orientações que ele ficará ótimo quando você reesquentar. Primeiramente guarde-os em uma embalagem que não entre ar (pode ser um top ware ou um saco com fechamento à vácuo). Na hora de comer, você pode colocar em um forno ou no microondas. Só não se esqueça de fazer tudo com fogo baixo (no caso do forno) ou com a regulagem do microondas para degelo. Eles vão ficar como se fosse novos e ainda quentinhos.

Comprar pães congelados: Às vezes encontrar sacos para o armazenamento de pães é uma tarefa complicada. Para isto uma boa opção é comprar o pão já congelado. Ele dura mais tempo no freezer do que o comprado na padaria. Um pão feito para ser vendido congelado pode durar até 28 dias. Mesmo ainda não sendo muito explorados no Brasil, os pães congelados tendem a crescer cada vez mais. E aí quem sabe a cena narrada no início do texto aconteça cada vez com menos frequência.